Úlceras de pressão vs Lesões por humidade

 

 

ÚLCERA DE PRESSÃO LESÃO POR HUMIDADE
Uma ferida numa proeminência óssea é provável que seja uma úlcera de pressão. Uma lesão por humidade pode ocorrer sobre uma proeminência óssea. Contudo devem ser excluídas a pressão e forças de deslizamento como causas e a humidade tem que estar presente.
A presença de humidade e fricção em conjunto pode causar lesões por humidade nas pregas cutânea.
Feridas  circulares  ou  com  forma  regular  são     maioritariamente úlceras de pressão, podendo ser excepção as lesão por fricção As   formas   irregulares   estão   habitualmente   presentes   nas lesões combinadas (úlceras de pressão e lesões por humidade).
Vários  pontos  superficiais,  difusos,   correspondem   habitualmente   a   lesões   por humidade.
Numa úlcera  geminada  (duas  lesões  iguais)  pelo  menos  uma  das  úlceras  é  causada provavelmente por humidade (urina, fezes, sudação ou exsudado da ferida). As lesões por humidade são superficiais  (destruição parcial das camadas da pele).
  a profundidade e extensão da lesão podem aumentar/aprofundar extensamente se houver infecção das lesões por humidade.
Se os bordos são distintos, a lesão é provavelmente uma úlcera de pressão. As lesões por humidade têm habitualmente bordos difusos e irregulares.
Bordos rasgados são comuns em lesões por humidade expostas à fricção.
Se  o  vermelhidão  é  não  branqueavel  é  provável  que  seja  uma  UP  grau  I.     Em indivíduos de pigmentação escura, pode manifestar-se em cor azul ou purpura. Se o vermelhidão não está uniformemente distribuida, é provável que seja uma lesão por humidade
Coloração: rosa ou branco na pele adjacente - maceração por humidade.
Se a lesão começou como uma lesão grande e profunda Se a lesão iniciou após episódio de diarreia ou doente incontinente
Se a lesão se desenvolveu após um longo período de pressão e/ou forças de deslizamento Numa lesão por humidade não existe necrose